quinta-feira, 29 de maio de 2008

Odeio!!!!


Odeio quem abre e não fecha a porta. Se a porta estava fechada, FECHA a droga da porta, PRINCIPALMENTE se o lugar tiver ar-condicionado. Odeio barulho. Odeio pessoas que falam alto. Odeio pessoas que riem alto demais. Odeio pessoas que querem contrariar as leis da física e ocupar o mesmo lugar que eu, ao mesmo tempo. Respeite o espaço da outra pessoa. Odeio que as pessoas me abracem ou me toquem, sem que eu as conheça. Odeio que me perguntem as horas no meio da rua ou em qualquer lugar. Você não vai morrer se não souber as horas, se isso fosse acontecer mesmo, você teria a droga de um relógio. Odeio pessoas que me perguntam se o ônibus delas acabou de passar. O que é que vai adiantar elas saberem? O ônibus não vai voltar, pelo amor de Deus! Odeio quem puxa conversa comigo em parada de ônibus, dentro de ônibus, em fila de banco. Odeio bancos. Odeio quando a ponta do grafite quebra enquanto estou escrevendo. Isso me dá nos nervos. Odeio dormir na casa dos outros. Odeio quando pegam as minhas coisas sem pedir. Odeio quando pegam minhas coisas emprestadas e não têm cuidado. Tenha zelo pelo que não é seu. Odeio quando pegam as coisas e não colocam no lugar onde elas estavam. Odeio quem bagunça e não arruma. Odeio pessoas que mentem ou escondem a verdade. Você mentiu pra mim? Escondeu a verdade? Pode acreditar, quando eu descobrir (porque eu sempre descubro) você tá fudido. Odeio pessoas que andam devagar demais no centro da cidade. Tem gente com pressa querendo passar!! Odeio quem bloqueia entradas e saídas enquanto procura o celular dentro da bolsa ou vê a melhor velocidade do vento pra poder sair na rua. Tem gente com pressa querendo passar!! Odeio quem me deixa esperando. Odeio quem marca e não aparece e nem dá satisfação nenhuma! Tenha um mínino de consideração para com a outra pessoa, isso é uma tremenda falta de educação. Odeio pessoas mal-educadas. Odeio dondocas. Odeio patricinhas. Odeio que me chamem de patricinha. Patricinha É A MÃE! Odeio serviço de atendimento ao cliente (SAC). Odeio operador de telemarketing. ODEIO quem quer se mostrar muito inteligente e na verdade não sabe de porra nenhuma. Você tem que ter embasamento para dizer as coisas e não ler só duas páginas de um livro de Freud e achar que já é psiquiatra (?). Isso me enche o saco! Odeio pessoas avarentas, mão-de-vaca, muquiranas. Isso é muito feio... tsc, tsc, tsc. Odeio quem quer exclusividade no msn e se irrita com a demora (insignificante) da resposta. Acorda! Isso aqui é internet!! A onda é que a gente faz VÁRIAS coisas ao mesmo tempo. Além disso, não tem só você no msn. Odeio pedido de atenção no msn. Odeio boyzinho. E-ca! Odeio quem fica esbanjando o que tem e humilhando as pessoas porque comprou um carro maior. Isso tem nome sabia? Chama-se "sem costume". Odeio lugar lotado. Odeio shopping em dia de sábado. Já viu a quantidade de crianças barulhentas que tem ali? Odeio crianças mal-educadas e os pais delas, porque eles devem achar bonito falta de educação, já que não quiseram dar um pouco disso pros filhos. Odeio quem não fala os plurais. Puta que pariu! Eles existem pra que, afinal? Odeio quem diz que eu quero aparecer só porque eu falo os plurais. Faça-me o favor! Esse comentário é pura falta do que fazer. Odeio lan house. Odeio quem diz que é minha amiga ou amigo, sem ter intimidade suficiente comigo. Se você não seleciona os seus amigos, eu seleciono os meus. Odeio quem pede desculpas depois de ter feito algo de errado, quando ela teve consciência de que estava fazendo algo de errado. Essas desculpas não são sinceras. Odeio que falem meu nome errado. Qualquer criança de cinco anos fala meu nome certo. Isso é só questão de limpar os ouvidos direito e prestar atenção quando eu so-le-tro o meu nome. Odeio quem cospe na rua. Isso é porco. Nojento. Falta de educação. Odeio copos de plástico. Não dos descartáveis mas, daqueles mais resitentes. Não me dêem água pra beber naquilo. É o mesmo que me matar. Odeio quem é falso-moralista. Odeio quem é barata de igreja, fala do "mau" comportamento dos outros e faz coisa muito pior. Nem adianta, você vai pro inferno primeiro que os outros, pode acreditar. Odeio quem me procura só quando precisa e quando EU preciso inventa um monte de desculpas fajutas. Isso é detestável. Odeio quem nunca atende o celular. A maravilha dessa tecnologia é que a gente pode levar essa meleca pra onde a gente for. Por isso, NÃO justifica, não atender a droga do celular. Alguém pode estar pedindo socorro ou algo do tipo.

Eu odeio tudo isso e mais um monte de coisa que eu não tô lembrando agora. Aliás, eu odeio esquecer as coisas.

E, sim, eu tô de TPM, por isso, mantenha distância, se você tem amor à vida!

14 comentários:

Jonathas disse...

Muié tu precisa tomar uma maracujina, pra se acalmar um pouco e deixar de odiar o mundo, afinal vivemos no mundo que criamos e não temos o direito de reclamar de ele ser assim ou assado, se eu não faço nada pra mudar, fico apenas odiando...

Tou começando a achar que foi você quem espalhou pela cidade uma série de outdoors com a frase "EU NÃO TE AMO" escrita bem grande. hehehehehehehe

Manoel Filho disse...

Muito bom - pra variar. Lí atentamente TUDO que você ODEIA, Lanussa... Deus me livre de fazer qualquer dessas coisas - principalmente se você estiver de TPM.

Agora, essa do OutDoor que o Jonathas falou foi ótima.. rsrsrsrs

TPM? Vixe Maria...!

Lanussa Ferreira disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Não, não fui eu que teve essa idéia maravilhosa. Mas eu não concordo com o comentário do Jonathas de que nós não temos direito de reclamar do mundo porque nós é que o fazemos assim. Eu não ando cuspindo na rua, não falo gritando, não sou mão-de-vaca, não humilho as pessoas, procuro ser educada, cortez, não sou eu que faço o (mau) treinamento do pessoal do telemarketing, não deixo a porta aberta quando a encontrei fechada, não bagunço as coisas, tenho cuidado com as coisas alheias quando pego emprestadas... Enfim, existe com certeza, um monte de coisa de que vc não gosta. Não há essa pessoa que ache tudo maravilhoso (se existir, ela não é uma humana), vc só não tem coragem é de colocar preto no branco, como eu fiz. Eu só estou pondo em prática a minha liberdade de expressão. Eu não odeio o mundo. Com certeza, há muito mais coisas de que eu gosto e, se eu não tivesse escrito isso aqui, talvez vc nunca soubesse que eu odeio essas coisas.
Respondido!
rsrsrsrs

Deianne disse...

Sua macaca eu iria fzer a msma pergunta q o cara de cima....
kkkkk,brincadeirinha q nada vc so dsse q nao gosta do mundo e nem de quem vive nele ,resumindo vc so gosta de vc mesmo....kkkkkk.bjim,n falando serio ta ,massa d+.tu escreve muito bem.parabens ta fzendo direitinho do jeito q eu ensinei...ta otio continue assim ai vai me superar ta?!kkkkkkkkkk

Anônimo disse...

Gostei muito de sua sinceridade, da honestidade que você tem ao expressar o que você sente, sem se preocupar com o que os outros vão pensar ao seu respeito, isso é uma qualidade que poucas pessoas tem e você faz parte dessas poucas pessoas, e tem uma personalidade forte e autentica! E o principal é que existe um Cara que te ama, que é apaixonadamente louco por você, e que te aceita do jeito que você é, e Ele é doidão por mim tambem, alias, por todos nós, até a ultima gota do sangue Dele, e Ele promete que se o buscarmos de todo coração, Ele se deixará ser encontrado! E Ele está a procura de um lugar para habitar, mas Ele não pode morar em predios, Ele mesmo disse! Bom demais! Né! hehehe...

Fiquem na Paz, Preciosos e preciosas de Deus (Por que é assim que Ele vê vocês)

Adriana disse...

Olha menina, daqui a pouco você vai ficar doente!!! Tanta raiva no coração só tráz doenças!! Eu heim!!! Vai procurar um psiquiatra, senão daqui a pouco vocÊ vai sofrer de gastrite nervosa ou qq doença do aparelho digestivo ou dos nervos de tanto ODIAR o mundo! Ler o seu texto é muito triste, pois pessoas como você tendem a ficar sozinhas, pq quem aguenta tanto mau humor??? E não me venha falar que vc é auto-suficiente, que isso é papo de gente carente assim como eu acho que vc é. Um dia a velhice chega viu, e se vc já é intolerante agora, imagina quando ficar velha?!?!? Aff, acho que ninguém vai te suportar!!!! Te cuida cara, e procure um bom psiquiatra que vai te prescrever um bom calmante!!
Te cuidaaaaaa!!!!

Adriana disse...

E afinal mulher, vc gosta a não ser de vc mesma?!! Sim, porque pelo jeito, vc se acha a tal, (e depois diz que odeia gente que se acha inteligente) rsrsrsrsrsrs
Acorda menina!! Acorda pra vida!!

Lanussa Ferreira disse...

Olha, eu fico relamente comovida com tanta preocupação. São pessoas como vc que fazem do mundo um lugar onde vale a pena viver. Mas... preste atenção. Vc fez um pré-julgamento de uma pessoa que vc não conhece, tendo com base apenas este meio de comunicaçao chamado blog. Quem garante a vc que essa sou eu realmente? Este aqui é um lugar que eu utilizo para brincar com as palavras e fugir um pouco das regras rígidas impostas pelo jornalismo, área na qual eu sou formada. As coisas que eu escrevo aqui tem a finalidade apenas de divertir a mim e meus amigos, que me conhecem muito bem e sabem como eu sou de verdade e não se estressam tanto com posts desse tipo. Vc pode ver pelos comentários anteriores. Ah! Outra coisa... como vc é tão bem informada sobre todas as doenças nervosas que existem por aí, me estranha vc desconhecer a historinha dos hormônios femininos... O que me leva à seguinte pergunta: Tu não menstrua não, garota? Se vc não tem TPM, parabéns... Deixe eu aqui com a minha e vá prescrever tratamentos psicológicos pra gente mais maluca do que eu. E volte quando quiser... O blog está aqui é pra isso mesmo!

Anônimo disse...

Você é mais uma pessoa que quer tudo facil na vida, acha que a vida é um moranguinho, e tudo tem que ser da forma que você espera, ou que tu queira. É o tipo de pessoa que tem que passar trabalho,para ver quanta bobagem você escreveu aqui.

Lanussa Ferreira disse...

Cara leitor(a)... o que eu escrevo aqui não é leitura obrigatória pra ninguém. Se você não gosta do que lê... tipo, não leia. Agradecida pelos comentários amorosos... Abraços.

Jonathas disse...

Cara que comentários são esses aí em cima? parece coisa de alguém que no mínimo é despeitada com você ou sente muita inveja, se não for isso por favor me desculpem as pessoas que escreveram os comentários, mas que parece, parece!
É ridículo ver que um dos comentários foi feito por uma mulher, pois tipo assim, mulher com TPM odeia o mundo mesmo e acha que o mundo todo conspira contra ela, por isso que as mulheres quando estão de TPM ficam tão agressivas...

Jonathas disse...

E por falar em agressividade e TPM, acho que essa menina aí que escreveu esse comentário mostrando se incomodar tanto com a Lanussa só podia é estar de TPM nesse dia aí... isso explicaria tudo e encerraria o assunto. era TPM só isso!!!

Manoel Filho disse...

Adriana, como você pode julgar alguém pelo que ela escreve num lugar (virtual) público, sem regras, sem censuras, onde lê quem quer? Se você não gosta dos textos da Lanussa, você pode, simplesmente, não mais acessar o blog dela. Simples! Ela, pelo menos, falou do que ela ODEIA, sem criticar nada nem ninguém (diretamente). Tantos textos bons e você vem implicar justamente com um que é pessoal dela? Paciência!

Lanussa Ferreira disse...

Meus amigos maravilhosos... E inteligentes!!!! Adoro vocês!! rsrs